Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Um espaço, que descreve a minha atitude perante a vida. Viver com um sorriso, perspectivando um futuro melhor. Sorri sempre!

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Um espaço, que descreve a minha atitude perante a vida. Viver com um sorriso, perspectivando um futuro melhor. Sorri sempre!

17.09.21

Cada dia de vida


Maria Neves

Cada dia de vida Será sempre teu. Será sempre único na sua essência. Pelas tuas vivências que nele ocorreram. Pelo que aprendeste. Pelo que ensinaste. Pelo que sentiste. Não  compares o teu dia,  com outro dia. Ou de alguém. Pois cada um de nós tem percepção diferente face ao mesmo contexto. Mas, é precisamente a nossa atitude que nos define. Atitude, que conjuga os nossos valores, os nossos sonhos  com a realidade de cada um de nós. Cada  dia,  será sempre único. Será (...)
12.09.21

O voo da Garça Real


Maria Neves

O voo da Garça Real Em Setembro  me levantei, Gosto da época que se aproxima, Sobre o mar sem medo sobrevoarei, Olhando toda a beleza, lá de cima. Sou uma garça real de asas brancas, Adoro o calor outonal, Sobre o céu azul colho lembranças, O que me torna um pássaro especial. Sobre as águas do oceano me delicio, No pântano busco alimento, O céu azul eu aprecio, A vida que levo só,  é meu sustento. Maria Neves Foto: Óscar Ferreira 
05.09.21

Um Anjo chamado Gaivota


Maria Neves

Um Anjo chamado Gaivota  Com o nascer do sol me levanto, Neste verão tardio arrebatador, Protejo a família com o meu manto, Espera-se um dia libertador. O Sol brilha nas águas do Mar, Traz consigo Luz e prosperidade, Saber que existe alimento neste lugar, Estamos em paz, e plena Liberdade.  Aqui tenho a família ocupada, Os filhos pequenos, começam a voar, Já posso dormir descansada, Todos trabalham para se sustentar. Brevemente o oceano vamos cruzar, O calor invulgar (...)
04.09.21

O Corvo marinho de bico amarelo


Maria Neves

  O Corvo marinho de bico amarelo  Sou exigente,  tenho o meu mundo, Moro numa casa sem tecto, Sou feliz a cada segundo, A minha mansão não teve arquitecto. Quando vejo um humano por perto, Fico cheio de prurido, É a alergia debaixo das asas, é certo, Desperta em mim, o sexto sentido.  O humano não é confiável, Já tem o planeta num caco, A sua ambição não é sustentável, Sou livre, não preciso buraco.  Ao amanhecer, no cimo deste rochedo, Trato da minha higiene no (...)
02.09.21

A tripeça e o pedestal


Maria Neves

Quando alguém te vê, não a tua essência, Profetiza a tua criatividade, Precede, com muita sapiência, Não valorizou a tua liberdade. Mostrando tanta altivez, Que nem ser mandado ao "condado" merece, Servindo a arrogância de sensatez, De mim terá o que merece. Eu, não tenho asas, nem quero voar, A Humildade gera o valor (...)
31.08.21

Dia Internacional dos Blogs


Maria Neves

  Dia Internacional dos Blogs Hoje é um dia muito especial. Comemora-se internacionalmente, o dia de quem escreve o que sente, de quem coloca a Alma  a falar, e que transporta para o ecrã e partilha, com imensa satisfação e carinho, a sua forma de sentir a Vida. Todos podemos ser por um pouco o que quisermos, na Blogosfera. N (...)
24.08.21

Ser Livre


Maria Neves

Ser Livre é  É sentir a leveza do pensamento, Ter como parente a coragem, Só precisar da brisa do vento, Saber limitar a sua imagem. Ser livre é  É não precisar  de se apresentar, É saber  pensar com os sentidos, Colocar  a alma a falar, Caminhar sobre ideais refletidos. Ser livre é É não ser refém de um passado, (...)
22.08.21

O vento norte


Maria Neves

O vento norte Belo, o pôr-do-sol no horizonte, Hoje na Costa, sente-se o vento norte, A ondas de crista branca, defronte, Viajando pelos mares, à sua sorte. Ainda é verão, ou talvez não, E, o sol se põe no abandono, O vento norte fresco, revela ação, Mas, já se avizinha o Outono. Pelo caminho, vejo folhas douradas pelo chão, As árvores inquietas, sugerem mudança, O vento norte sopra na minha direção, Só a natureza tem a sua própria  dança. Mas que fresco o vento norte!   (...)