Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Bem-vindo ao meu Blogue!

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Bem-vindo ao meu Blogue!

14.06.21

Oração do desprendimento


Maria Neves

 

https://mluciadneves.blogs.sapo.pt/34734.html?tc=73680601574

D7B11E17-A6A5-4861-9E10-D87004FEF308.jpeg                                                                                     

Quando a vida te põe à prova,
Quando só vêm o que tens,
Não o que suaste para o ter,
E que tambem, tens uma vida para viver.

Quando te admiram,
Mas não te suportam,
Muito menos bem querer,
Se esquecem de tudo o que deste,
Sem nada querer receber.

O fardo que carregaste foi demasiado pesado,
Graças ao Universo, por suportar.
Nunca mais será igual,
Ter a morte por tão perto,
E sentir-se no deserto,
Com pouco tempo para esperar.

Agora, fazendo parte de um passado recente,
Com a sede de salvar vidas, e viver também,
Poder reflectir, poder escrever, com um fim...
"Para quem nasce do esforço,
Sete colinas no dorso,
E uma cidade para mim"...(*)

Eu, sinto-me tão bem assim,
Longe do ódio e da ambição,
Para quem deu tudo nesta Pandemia,
Face a um vírus desconhecido, face ao medo,
Chorando tantas vezes em segredo,
Lisboa, minha harmonia.

As saudades viraram a Zero,
Os que amo não esquecerei,
Brevemente comigo estarão,
De tarde ou ao serão,
Mas a ninguém o direi.

(*) citação de Pedro Abrunhosa

Maria Neves
















2 comentários

Comentar post