Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Bem-vindo ao meu Blogue!

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Bem-vindo ao meu Blogue!

20.03.24

Sensações


Maria Neves

O dia começou bem cedo, Uma brisa fresca passou, Lembrou o rio, e o arvoredo, Uma récita, que alguém declamou. Uma nuvem alta corria, O Sol de Março estava quente, Perto dos pássaros sorria, Na sua presença eloquente. Um raio de prata junto da serra, Estremece o chão ao anoitecer, Emana o perfume da terra, Canção da chuva, para enaltecer. O tempo,  aliado que fortalece, A raiz,  que não deixa o sonho fugir, A seiva da vida prevalece, E não permite a memória ruir. Maria Neves   (...)
09.02.24

Horizontes De Espuma


Maria Neves

Avisto o rochedo, no mar inquieto, Repouso o olhar, ao longo da ponte, Esperança cativa, neste mundo manieto, Talvez as respostas no horizonte. Sente-se o cheiro da primavera no ar, Voltam os pássaros que seguem a rota, Olhando para cima, não vejo um altar, No oceano, nem barco nem frota. Olhando em frente do nada, Ouve-se uma voz que não fala, proclama, A sua mentira sublimemente ensaiada, Num tom moribundo que já não inflama. Olhando de cima, piso este chão, A pedra branca, (...)
07.01.24

Lentes De Bruma


Maria Neves

Ao longe o mar azul desafia, Conta histórias aos rochedos, Só eles sabem, eu nada sabia, Que o mar também, esconde segredos. Sopra o vento frio do Norte, Da onda, voa a espuma gelada, Toca no sopro, no desnorte, Onde a humanidade se vê trancada. Viajando pelo horizonte, Onde o desejo confunde, Onde o forte se esconde, Onde o profundo do Ser, Sucumbe. Ao crepúsculo, lentes de bruma, O manto voraz da mentira, Em que a verdade não se acostuma, No rumo que nunca assentira. Maria Neves   (...)