Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Um espaço, que descreve a minha atitude perante a vida. Viver com um sorriso, perspectivando um futuro melhor. Sorri sempre!

Com um sorriso, chegas ao infinito.

Um espaço, que descreve a minha atitude perante a vida. Viver com um sorriso, perspectivando um futuro melhor. Sorri sempre!

02.11.21

Por detrás da cortina branca


Maria Neves

Por detrás da cortina branca,     Vejo um raio de sol, por entre nuvens escuras,     Traz consigo a Luz que abranda,    A nostalgia de quem, em si próprio se nega a fulguras. Um dia de chuva é tão belo,         Tal como um dia de sol radioso, Pois na existência há o Seu Elo,       Entre o belo e o misterioso. Quantos beijos e abraços não sentiu, Quem a pretextos obscuros na vida se entrega,     A quem à falta de amor próprio se permitiu,     A quem no seu (...)
30.10.21

Um doce com amor e mais nada


Maria Neves

Numa noite de temporal, Ouvindo o rugir do vento, A chuva caía em bátegas cor de prata sobre a janela, O bater das ondas na muralha estimulava os sentidos. E eu, olhando, sentindo  e pensando. Tão real!  A noite de Outono perfeita. Sabia tão bem um doce para sobremesa. Um doce, Eu...! Pois, simples e muito bom. Servido envolvido com laços de ternura e muito amor. Receita: 1 cacho de uvas roxas sem grainhas,    4 bolachas recheadas de chocolate negro,   1 iogurte de copo de (...)
19.10.21

Olhando o cume da Serra


Maria Neves

Olhando o cume da Serra ao entardecer, Bem alto, bem  perto do céu, Que antecede o esperado anoitecer, Aquele fim de dia, seria o meu troféu. Olhando o anel dourado que o sol desenhava,    Por entre os pinhais, que se curvam ao vento,    Dando uns passos, já ao crepúsculo pensava,     Nao,  não  desvies em ti, teu  intento. Olhando o céu na noite escura, Brilham as estrelas e a Lua, Não haverá maior amargura, Para quem desse brilho se exclua. Não, não olhes para trás, Seg (...)
13.10.21

O arranjo de Outono


Maria Neves

Sentada na esplanada do Parque, Olhando a garça real no cimo da cascata,     O Outono colorido  é uma Obra de Arte,  O sol sobre a água, forma túneis de prata. Se bem o pensei, assim me levantei, Terminei a bebida e fui a caminho,  Folhas secas de várias cores encontrei,           O arranjo de Outono selvagem, acarinho. O Outono é a minha estação preferida, Gosto das cores e dos cheiros,   Gosto do Sol à tarde na sua partida, Como quem aprecia o sabor de um (...)
17.09.21

Cada dia de vida


Maria Neves

Cada dia de vida Será sempre teu. Será sempre único na sua essência. Pelas tuas vivências que nele ocorreram. Pelo que aprendeste. Pelo que ensinaste. Pelo que sentiste. Não  compares o teu dia,  com outro dia. Ou de alguém. Pois cada um de nós tem percepção diferente face ao mesmo contexto. Mas, é precisamente a nossa atitude que nos define. Atitude, que conjuga os nossos valores, os nossos sonhos  com a realidade de cada um de nós. Cada  dia,  será sempre único. Será (...)
05.09.21

Um Anjo chamado Gaivota


Maria Neves

Um Anjo chamado Gaivota  Com o nascer do sol me levanto, Neste verão tardio arrebatador, Protejo a família com o meu manto, Espera-se um dia libertador. O Sol brilha nas águas do Mar, Traz consigo Luz e prosperidade, Saber que existe alimento neste lugar, Estamos em paz, e plena Liberdade.  Aqui tenho a família ocupada, Os filhos pequenos, começam a voar, Já posso dormir descansada, Todos trabalham para se sustentar. Brevemente o oceano vamos cruzar, O calor invulgar (...)
13.08.21

Ver com os olhos da Alma


Maria Neves

Vê com os olhos da alma, Segue um trilho desconhecido, Procura no meio do nada, com calma, Procura o que te é merecido. Não te fiques pelo caminho, Nunca te desculpes com o Medo, Segue em frente sozinho, Deixa para trás o degredo. Não vivas em águas paradas, Vê com os olhos da alma, Não tens (...)
08.08.21

Paraísos a Dois


Maria Neves

    Dizem que não há Paraísos, na Terra, mas há. Paraíso será o local que pela sua genuína beleza, exclusividade e subjetividade, é admirado e vivenciado de forma única pelo Ser humano.Para que seja sentido Paraíso, terá que haver sempre alguém com quem partilhar, as sensações vividas.   " Um Adão e uma Eva".   O Buddha Eden-Regularmente, o titular da empresa, comendador José Berardo, impressionado em 2001 com a destruição pelos talibãs das estátuas (...)